15.3.11

Leiria 0-2 FC Porto: Uma vez mais à bomba!


O jogo foi ligeiramente diferente do que esperava.
O Leiria optou por colocar 2 autocarros em campo e com a ajuda de um árbitro, que se mostrou incompetente uma vez mais, foi adiando o inevitável.
Tal como em Moscovo o jogo resolveu-se à bomba. E que bomba de Guarín!

Villas-Boas não escolheu o onze que eu aqui lancei na antevisão. 
Optou por colocar Moutinho (que por mim tinha descansado, está visivelmente estourado!) e Varela em detrimento de James (que viria a entrar depois).
Alinhou comigo na opção Guarín em vez de Fernando, vamos ver se a minha tese se confirma quinta-feira, onde Fernando é simplesmente imprescindível e Guarín infelizmente não tem lugar de início.

Fucile fez mais um grande jogo, para mal dos muitos tristes que andaram a tentar difamá-lo nos últimos tempos, algum dia eu trocava este jogador por um qualquer Sílvio? Só se andasse tudo doido. 
Chanfrado mesmo.

Hulk regressou finalmente aos golos, numa grande penalidade, só à terceira é que o árbitro decidiu marcar um penalty e já com o jogo resolvido.
Linda a dedicatória ao Japão, país que tão bem o acolheu, todos estamos solidários com eles.

Gostei de Belluschi e tenho pena que Falcao não tenha conseguido marcar, faltou sempre aquele bocadinho assim, espero que "engate" na quinta-feira!

Mais uma vitória, mais um jogo sem sofrer golos, o título cada vez mais próximo e agora sim podemos centrar todas as atenções no CSKA.

* Palavra final para a assistência: 3880. O horário e o dia não podiam ser piores.Autênticos atentados aos adeptos.
Mas todos os adeptos do Centro e Sul que tanto reclamam mais atenção marcaram uma incompreensível falta de comparência. Com o clube a disponibilizar bilhetes de 10€ e nesta fantástica temporada que a equipa está a fazer muitos não foram capazes de a acompanhar hoje. Lamento. 
Eu estive lá com muito sacrifício e não fosse a força e mobilização dos SD eu nem quero imaginar a vergonha que seria.
Pensem nisso. São muitos, mas nem eu nem o clube quer ver a força nos facebook´s, mas sim onde é realmente preciso. No estádio!


























5 comentários:

Dragus Invictus comentou

Bom dia,

Foi um jogo complicado, estivemos muito lentos na circulação, e apesar do domínio e controlo absoluto do jogo só mesmo à bomba abrimos o marcador.

Para complicar mais, tivemos inexplicavelmente uma União da Leiria, que luta por um lugar europeu, a jogar num esquema ultra defensivo, que nos complicou imenso as acções atacantes.
Depois de termos apanhado um Guimarães com atitude idêntica no Dragão, é mau para o futebol português que equipas que lutam por lugares europeus, joguem este tipo de futebol, típico de clubes que lutam pelo ponto para não descer de divisão.

Depois tivemos um "Cómico" Machado que escamoteou 2 penaltis claros, e marcou o mais discutível...pois o resultado já estava feito.

Arbitragem péssima, num jogo fácil de apitar, de um árbitro desnorteado que nem deixou a primeira parte chegar aos 45 minutos.

Guarin, Belluschi e Hulk foram os principais timoneiros desta vitória, efectuando boas exibições.

Moutinho e Varela estiveram um pouco abaixo do esperado.

James entrou muito bem no jogo, Falcao lutou imenso e só pecou na finalização. Na defesa nada a apontar, estiveram seguros e tranquilos.

Faltam 2 vitórias para a consagração, que esperemos que seja na Luz.

Abraço

Paulo

http://pronunciadodragao.blogspot.com/

João Diogo Reis comentou

Blue Factory of Dreams,

Não faz sentido nenhum tirar da equipa o jogador que deu as duas últimas vitórias.

O André Villas-Boas que tire da equipa os inúteis: Maicon, Maç… Moutinho e Belix… Belluschi.

Os meus onze para quinta:
Helton; Sapunaru, Otamendi, Rolando e Fucile; Fernando, Guarín e Rúben Micael; Hulk, Falcao e Varela

The Blue Factory of Dreams comentou

Já expliquei porquê João Diogo Reis, vê na caixa de comentários do post anterior, o Guarín tem sido muito importante e merece todos os elogios.

Mas Quinta-feira Fernando é imprescindível e Belluschi e Moutinho nem se fala.

Se consideras Moutinho e Belluschi inúteis algo vai mal nessa análise. O que será então Rúben Micael?

Fernando-Guarin-Ruben Micael? Achas que é um meio-campo plausível?


Ressalvo é uma coisa, acho que Moutinho devia ter sido poupado ontem, seria um jogo perfeito para isso. Ele anda de rastos. MAs a equipa não vive sem ele num jogo com a importância do de quinta-feira.

Ele é o ponto de equilíbrio de toda a equipa.

João Diogo Reis comentou

Belluschi e Moutinho nem se fala porquê?!

Pois, se calhar o melhor é mesmo nem falar, é muito difícil descrever a utilidade desses dois.

São dois jogadores que não sabem rematar, não sabem passar, não são rápidos ou fortes ou resistentes, são baixos portanto não ajudam nas bolas paradas defensivas e ofensivas…

O que é que eles andam lá a fazer?!

O Rúben Micael não é inútil. Não tem todas as qualidades que descrevi acima, mas tem algumas. Por exemplo, é um bom goleador, se somarmos a época passada pelo Nacional e esta pelo FC Porto, já leva 7 golos na Liga Europa (9 se também contarmos os dois no playoff ao Zenit).

O Moutinho é um falhado… Recordo que o Moutinho fazia parte da equipa do Sporting que perdeu a Taça UEFA contra o CSKA Moscovo… e também fazia parte da equipa que levou do Spartak Moscovo dois anos depois. Ele tem uma propensão para levar dos russos.

O Rúben Micael, pelo contrário, tem uma propensão para ganhar aos russos.

A pergunta é simples, querem sucesso (Guarín + Rúben Micael) ou querem insucesso (Moutinho + Belluschi)?

Miguel comentou

Caro João Reis, respeito mas não concordo com a sua opinião.

O Moutinho e o Bellsuchi são os jogadores mais influentes da equipa portista, especialemente Moutinho, pois São eles que ganham a maior parte das bolas a meio-campo e que permitem uma melhor circulação de bola.

Micael até é bom jogador mas tem estado muito mal este ano.

Excelente post, caro Amigo.

Abraços

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Copyright © 2010 The Blue Factory of Dreams | Premium Blogger Templates & Photography Logos | PSD Design by Amuki